San José del Pacífico é um pueblo que fica na província de Oaxaca. É destino de muitos viajeros que partem de Oaxaca capital e param ali alguns dias antes de seguirem para Puerto Escondido, e foi isso que eu fiz. A vida desse povoado gira em torno de do seu visual de montanhas e neblina e de duas atrações, que são o Temazcal e os hongos.

O Temazcal é uma cerimônia de purificação que tem origem nos povos pré-hispânicos que habitavam a região antes da invasão espanhola. Basicamente é uma espécie de sauna, um banho a vapor dentro de uma espécie de oca, sendo que o vapor emana de uma fogueira de ervas medicinais e aromáticas. Em geral, essas ocas são construídas com pedras vulcânicas. Passa-se cerca de uma hora dentro da oca, com o vapor e o calor sempre aumentando. Nesse tempo primeiro passamos barro pelo corpo e depois mel. Dependendo da tradição que em que o Temazcal é baseado pode haver cantorias fora da oca enquanto o ritual acontece. Ao sair da oca, com o corpo extremamente quente, recebe-se um banhos de agua gelada, que teoricamente completam a purificação. Quem quer, ainda pode se atirar numa piscina de agua gelada depois disso.

Papo hippie-antropológico à parte, horas depois de passar pelo ritual algumas alergias que tenho na mão e são quase que permanentes sumiram, e já se vão uns dez dias que não voltaram.

A outra atração da cidade são os hongos, mais conhecidos por aqui como cogumelos, fartamente divulgados e oferecidos livremente em todos lugares, desde qualquer vendinha de esquina até a hospedagem mais cara da cidade. A decoração e fachada de grande parte dos estabelecimentos também envolve desenhos de cogumelos mil.

Assim, muitos viajeros vem com a ideia de passar um ou dois dias na cidade, mas vi vários que ficaram viajando por muito mais tempo por ali.

#

13/10/2018

Deixe uma resposta